NARRADORES CAMPONESES DE ITAPORÉ A CORONEL MURTA:

VALE DO JEQUITINHONHA / MG

Autores

  • Tomé Francisco Chicombo Chicombo Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
  • Aureliane IFNMG/Araçuaí
  • Higino

Palavras-chave:

Jequitinhonha. Semiárido., Memórias. Tradições.

Resumo

O presente trabalho tem o objetivo de compreender vivências complexas através das narrativas dos sujeitos que guardam identidades e trajetórias no espaço rural do médio Jequitinhonha/MG. Por meio da história oral, as lembranças dos idosos revisitam o viço das plantas espinhentas, a resistência e o sentimento de pertença com o lugar. Da investigação proposta, partindo da história oral, surgem contradições, lutas cotidianas e experiências de vidas nas quais a natureza parece ser a parceira desejável à sobrevivência. Nessa perspectiva, aliam silêncios demorados às histórias interrompidas com olhares fundamentados em fragilidades socioeconômicas. Para isso, a pesquisa qualitativa envolveu, de certo modo, o processo de imersão na busca da compreensão dos homens que viveram do garimpo com mulheres camponesas de costumes e crenças, construídos em meio a percepções, olhares que até mesmo transcendem ao real.

Publicado

2021-10-04